Dicas de NFL Fantasy #6 – Chegou a hora de acreditar nos desvalorizados

Com quatro times de Bye na semana 6, é necessário apostar em jogadores com menos mídia

(Arte: André Martins)

Todo ano, tem aquela semana no Fantasy em que você está destruído e não pode contar com os grandes jogadores. Eu cheguei na minha, com Metcalf e Kennan Allen de Bye Week. Provavelmente, você também perdeu algum jogador importante, já que New Orleans Saints, Seattle Seahawks, Los Angeles Chargers e Oakland Raiders não entram em campo na Semana 6, o que implica em outros desfalques como Alvin Kamara, Michael Thomas, Josh Jacobs, Chris Carson, Russell Wilson. 

Fique tranquilo: toda semana, o Intervalo em 5 traz dicas para você que quer agregar valor ao seu roster e saber quem escalar no Fantasy da NFL. Para cada posição, sugestões de elite, “palpitões” da 2ª prateleira e apostas (um tanto) ousadas. Está na hora de saber em quais jogadores acreditar para ir atrás nos waivers ou em trocas.

Na semana passada, viemos com palpites que podem salvar a sua temporada como um todo, com jogadores que terão um ganho no futuro e não só algo ocasional. Desta vez, é necessário ser um pouco mais pragmático e pensar em ganhar o seu confronto na Semana 6. Então, segue o nome de alguns jogadores:

Quarterbacks:

Ryan Fitzpatrick (MIA): Se você perdeu Russell Wilson essa semana, fique tranquilo, Fitzmagic pode te salvar. Ele está em alta, talvez um dos QBs mais quentes do fantasy no momento. Após uma Semana 1 horrorosa contra os Patriots, em que fez apenas 5,44 pontos, ele está sempre no Top 10 de QBs desde então, sendo que sua pior atuação rendeu um 21,3 contra Seattle Seahawks. Nesses quatro jogos, foram 7 TDs aéreos e 2 corridos, com apenas 2 interceptações. Depois de 350 jardas e 27,6 pontos contra o 49ers, o jeito é confiar na mágica, principalmente enfrentando o New York Jets.

Matthew Stafford (DET): Stafford tem ido mal na temporada e é apenas o 21º QB no Fantasy. Eu entendo a preocupação, mas ele aproveitou o retorno do seu melhor recebedor, Kenny Golladay, pontuando 18,5 contra os Cardinals e 22,34 contra o New Orleans Saints. Vindo de Bye e enfrentando uma das piores defesas da NFL, a do Jacksonville Jaguars, dá para sonhar com mais uma grande partida de Stafford. A defesa dos Jaguars é a quarta pior em jardas aéreas e permite que o QB rival acerte 75,8% dos passes. 

Andy Dalton (DAL): Não tinha como eu fugir da polêmica, então não vou. Andy Dalton é um cara que você pode adicionar no seu time caso tenha sofrido com a lesão de Dak Prescott. O ataque continua recheado de alvos, com CeeDee Lamb, Michael Gallup e Amari Cooper. Obviamente, a equipe vai apostar mais no jogo corrido, mas isso não impede que Dalton tenha jardas e consiga terminar o jogo com alguns touchdowns. Contra os Giants, ele acertou 9 dos 11 passes tentados para 111 jardas. A defesa dos Cardinals não é muito melhor, principalmente no Fantasy. Arizona permitiu que todos os QBs, com exceção de Dwayne Haskins e Joe Flacco, somasse mais de 18 pontos. Ou seja, Andy Dalton está tranquilo nessa semana. 

Running Backs: 

Alexander Mattisson (MIN): Dalvin Cook está fora desta rodada com uma lesão na virilha e Alexander Mattisson terá a oportunidade de enfrentar a tenebrosa defesa do Atlanta Falcons. Após a lesão do titular contra os Hawks na semana passada, Mattisson aproveitou muito bem sua oportunidade e somou 136 jardas totais. Atlanta é horrível contra RBs, permitindo 29,3 pontos e 4 TDs aéreos para jogadores da posição. Os Vikings são o time que mais corre na NFL, com 28 tentativas por jogo. Coloque Mattisson de titular porque, como já ficou bem evidente, ele vai correr (e pontuar).

David Montgomery (CHI): Montgomery tem se tornado cada vez mais confiável, mas ainda é um RB que deixa os jogadores de Fantasy com um pé atrás. Na semana 6, porém, ele é titular de ‘olhos fechados’. QBs tem tido dificuldade no Fantasy contra a defesa dos Panthers, mas os RBs tem se aproveitado muito desta matchup, até porque Carolina possui a pior defesa contra a posição no Fantasy. Montgomery deve ser muito utilizado no jogo aéreo e tem aproveitado de péssimas defesas, como o fez contra o New York Giants na Semana 2, quando produziu 21,7 pontos. 

Antonio Gibson (WAS): Bom, o New York Giants não é uma defesa muito sólida, mas eu espero que ela leve vantagem no jogo contra Washington. Ainda assim, acredito que um jogador em específico de Washington vai ter uma boa partida: Antonio Gibson. O QB Kyle Allen deve começar jogando e ele adora colocar bola no RB – algo que vimos fazer muito em 2019 nos Panthers com Christian McCaffrey. No último jogo, Gibson recebeu 5 passes. Além disso, ele tem mais de 10 pontos em 4 jogos seguidos. Eu não começaria com Gibson de titular na posição de RB porque ele depende de TD para ter uma bom jogo. Ainda assim, o potencial de pontos cresceu muito com sua participação no jogo aéreo e ele é uma opção confiável para o FLEX nessa semana. 

Wide Receiver:

Preston Williams (MIA): DeVante Parker é um titular óbvio contra o New York Jets, que é a 18ª pior defesa contra WR. Ainda assim, caso tenha problema no seu Flex, Preston Williams pode cravar um espaço. O jogador vem de sua melhor partida nesta temporada, tendo 106 jardas e um TD, que lhe renderam 20,6 pontos. Se Ryan Fitzpatrick é um cara que deve jogar na semana 6, então todos os jogadores envolvidos no jogo aéreo dos Dolphins precisam ser valorizados. Neste caso, Parker, Preston Williams e Mike Gesicki. 

Justin Jefferson (MIN): Bom, é a segunda vez que este rookie aparece na lista, mas tem um motivo: ele enfrenta Atlanta. Jefferson acabou ofuscado na semana 5, terminando com apenas 5,3 pontos, enquanto Adam Thielen fez 29,3. Sem contar com Dalvin Cook, o peso deve ser maior para o jogo aéreo e Kirk Cousins deve apostar no rookie, que tem se mostrado confiável com uma média de 12,42 pontos. Espero que ele se recupere nessa semana e termine com um bom jogo contra os Falcons, que são a 24ª defesa contra WRs no Fantasy e enfrentam a demissão do técnico Dan O’Quinn. 

Darius Slayton (NYG): Darius Slayton vem de um jogo incrível contra os Dallas Cowboys, tendo 11 targets e 8 recepções para 129 jardas. Faltou apenas um TD para ele voar. Eu espero que esse TD venha contra o Washington Football Team. Apesar de impressionar na semana 1 contra os Eagles, a defesa de Washington não tem sido extremamente regular e pode dar espaços para os passes longos de Daniel Jones. Com Golden Tate abaixo e Shepard machucado, sobram apenas dois bons alvos para o QB: Slayton e Evan Engram. Os dois devem ser titulares no seu time essa semana.

Tight End:

Jonnu Smith (TEN): O TE tem sido um dos destaques do Fantasy na temporada. Sua pior pontuação foi 11,10 e ele já ultrapassou a marca de 20 pontos em duas das quatro partidas. Ryan Tannehill tem dado muito valor a ele, principalmente na end zone, com Jonnu recebendo 5 TDs nos quatro jogos da temporada. Houston Texans é um adversário mediano contra Tight Ends, permitindo a 15ª maior pontuação da liga. Devemos continuar acreditando em Jonnu Smith e sua média confiável de 17,53 pontos.

Robert Tonyan (GB): Se estamos falando de jogadores confiáveis, vamos seguir com o que tem dado certo. Ele vem de uma das melhores performances da temporada, quando marcou 3 TDs contra Atlanta e pontuou 33,8 no jogo da Semana 4. Devante Adams irá retornar, o que diminuirá a quantidade de targets que ele recebe, mas Aaron Rodgers deve continuar procurando por ele, já que ainda não tem um segundo alvo estabelecido. Tampa Bay Buccaneers tem marcado bem a posição de TE, sendo a 12ª melhor na NFL. Mas a defesa também sofreu um TD de tight end nos últimos dois jogos, e Robert Tonyan tem sido muito efetivo na end zone

Defesa:

Miami Dolphins: Vou ser curto e direto: os Dolphins enfrentam o New York Jets. Toda a semana, caso não tenha uma defesa definida, procure adicionar o time que irá enfrentar os Jets. A franquia acabou de dispensar Le’Veon Bell e não tem nenhuma grande arma no ataque. Sam Darnold segue fora e Joe Flacco, que já deveria ter abandonado a NFL, será titular na semana 6. A fórmula para o sucesso dos Dolphins está feita, até porque a defesa vem de sua melhor atuação na temporada, quando forçou Jimmy Garoppolo a duas interceptações.

New York Giants: Essa é uma aposta arriscada, mas é necessário alguns palpites fora do comum para vencer no Fantasy. Washington Football Team segue sem um QB confiável. Kyle Allen ainda está baleado e deve começar o jogo. Se 100% ele não foi bem contra os Rams, não imagino que fora de sua melhor forma ele irá liderar o ataque ao sucesso. Caso ele sofra com problemas, Alex Smith irá atuar e podemos afirmar com tranquilidade que ele ainda precisa se adaptar ao jogo da NFL após se recuperar de uma lesão na tíbia. Os Giants são horrorosos, mas a defesa tem sido melhor do que o esperado. Na semana passada, conseguiu forçar uma interceptação contra os Cowboys que terminou como pick six.

Autor: Bruno Nossig

Sou aluno da ECA-USP, graduando em jornalismo. Joguei basquete quando menino e agora escrevo neste site. Meu twitter é @brunonossig.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s