Eliminação na pré-Libertadores não pode virar uma crise para Tiago Nunes

Novo técnico do Corinthians tem ideias de jogo que precisam de tempo para funcionar

O Corinthians foi, mais uma vez, eliminado dentro de casa pela Libertadores. Já é a quarta vez em quatro decisões na Arena e a segunda para o Guaraní do Paraguai. A eliminação, que não deixa de ser vexatória devido à diferença técnica entre as equipes, tem que ser contextualizada.

O primeiro ponto é que a pré-Libertadores reúne equipes que, antigamente, não teriam direito de disputar a competição: o Corinthians terminou o Brasileirão de 2019 na oitava posição. São times teoricamente menos qualificados que acabam disputando vaga na maior competição do continente, mas que, caso eliminados, ficam sem vaga para a Sulamericana, enquanto clubes como o Fluminense, 14º colocado em 2019, tem vaga garantida.

Eliminações nesta fase geram crises muito maiores do que deveriam. Ano passado, André Jardine não resistiu à eliminação contra o pequeno Talleres, da Argentina, dois meses depois de assumir definitivamente o time do São Paulo. É muito pouco tempo para descartar um treinador.

Em 2011, o Corinthians teve a eliminação mais marcante de todas: o “Tolimaço”. A queda para o Deportes Tolima foi a primeira de um brasileiro na pré-Libertadores, ainda no formato antigo. Naquela época, muitos pediram a cabeça do técnico Tite. A diretoria bateu o pé e apoiou o treinador, que nos anos seguintes ganharia absolutamente tudo com a equipe alvinegra.

E o segundo ponto, ainda mais importante que o primeiro, é que Tiago Nunes acaba de iniciar seu trabalho na equipe de Itaquera. Foram apenas sete jogos oficiais, nos quais o torcedor já pôde perceber uma grande mudança no estilo de jogo da equipe. 

As ideias de Tiago já deram muitos resultados, e é extremamente importante que o Timão dê tempo e um elenco condizente às ideias de jogo do novo técnico. Mesmo com a eliminação, não parece haver pressão em cima do treinador, o que é ótimo para o Corinthians

Como joga o Corinthians

Tiago Nunes não está reinventando a roda no Corinthians. Tudo que o time tem mostrado até agora nós vimos no Athlético Paranaense nos últimos anos e em outros clubes pelo mundo. A saída em três, com Camacho e Cantillo vindo buscar a bola entre os zagueiros, e a verticalidade do time, com pontas e laterais alargando o campo, não são novidades; assim como a movimentação intensa no meio campo com os meias buscando a bola entre as linhas do adversário.

No Corinthians, Tiago começou apostando em Sidcley na lateral esquerda justamente por seu faro ofensivo. O jogador não correspondeu e perdeu a vaga para o menino Piton. Quem normalmente tem acionado os jogadores de lado de campo é o volante colombiano Cantillo, que tem grande visão e um ótimo lançamento para um jogador da posição. 

As principais dificuldades ofensivas do Timão têm acontecido quando o time está atrás do placar e o adversário mais recuado: os laterais não conseguem fazer as jogadas e falta intensidade no meio-campo por conta de Luan e companhia. Pelo que o ex-gremista já apresentou na carreira, sabemos que ele pode sim encaixar muito bem no esquema de Tiago Nunes e fazer a diferença. No primeiro tempo do jogo de ontem, o meia fez isso, tanto que marcou um gol após se movimentar da esquerda para a direita e achar o espaço para bater para o gol.

Há de se dar tempo ao tempo. Nenhum técnico consegue implementar seu estilo em tão pouco tempo, e o treinador corintiano já mostrou aonde pode chegar, vencendo uma Copa do Brasil e uma Sul Americana, ambos títulos inéditos para o Athlético. Talvez por ter tido sucesso tão rapidamente no clube paranaense a cobrança esteja maior (e por se tratar de Corinthians também), mas é preciso ter paciência e dar tempo a Tiago Nunes para que os resultados comecem a vir.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s